• (11) 2888-8987 / (11) 2863-8666

  • (11) 9.7376-0322 (Watsapp)

  • contato@prismapalestras.com

  • prisma.palestras

Seja Bem-vindo - Terça-Feira, 22 de Agosto de 2017

Busca rápida

Palavra chave ou nome

Ou então:
Categorias
NewsLetter
Indique a Empresa

Arnaldo Jabor

Arnaldo Jabor nasceu em 12 de dezembro de 1940, no Rio de Janeiro (RJ). Cineasta, Jabor foi mais um brasileiro prejudicado pela crise econômica do governo de Fernando Collor de Mello. Foi quando decidiu buscar no jornalismo uma nova fonte de renda.
 
Começou como colunista do jornal O Globo (RJ), no fim de 1995. Depois, foi para a TV Globo (RJ), onde passou a comentar os fatos do cotidiano brasileiro no Jornal Nacional e no Bom Dia Brasil. Também é colunista nacional das rádios CBN. Suas colunas são publicadas semanalmente em O Estado de S. Paulo (SP), A Tribuna (BA), O Tempo (MG) e em diversos jornais do país.
 
Uma crônica sua sobre as diferenças e similaridades entre o amor e o sexo foi adaptada para uma canção pela cantora e compositora Rita Lee e incluída no seu CD Balacobaco (Som Livre, 2003), transformando-se num grande sucesso.
 
Publicou os livros Os canibais estão na sala de jantar (Siciliano, 1993), Sanduíches de Realidade (Objetiva, 1997), A invasão das Salsichas Gigantes (Objetiva, 2001), Amor É Prosa, Sexo É Poesia (Objetiva, 2004), Pornopolítica (Objetiva, 2006) e Eu Sei Que Vou Te Amar (Objetiva, 2007).
 
Como cineasta, dirigiu os curtas-metragens O Circo (1965) e Carnaval (1990) e os longas A Opinião Pública (1967), Pindorama (1970), Toda Nudez Será Castigada (1973), O Casamento (1975), Tudo Bem (1978), Eu Te Amo (1980), Eu Sei que Vou Te Amar (1984), e Suprema Felicidade (2010).
 
Por seus trabalhos como cineasta, ganhou o Urso de Prata, no Festival de Berlim, e o Kikito de Ouro de Melhor Filme, no Festival de Gramado, ambos pelo filme Toda Nudez Será Castigada. Também venceu o Prêmio Especial do Júri, no Festival de Gramado, por O Casamento, e o Candango de Melhor Filme, no Festival de Brasília, por Tudo Bem.
 
Palestras:
 
Em sua palestra “Projeto de um novo Brasil”, Jabor traça um cenário político e econômico do país, desde o período colonial até os dias atuais.
 
Com o objetivo de despertar no público um processo de reflexão, Arnaldo Jabor expõe de forma provocante as raízes do comportamento político brasileiro. Seu estilo irônico e mordaz é decisivo para descontrair a platéia e tornar o assunto mais leve.
 
As palestras de Arnaldo Jabor destacam, ainda, as constantes transformações do mundo contemporâneo e a importância do mercado globalizado para o Brasil.

Imprimir

Solicitar Proposta

Site melhor visualizado no Google Chrome
Design by Elaboração e Criação de Sites

Escritório São Paulo
Rua Vieira de Morais, 80 - 15º Andar - Campo Belo - São Paulo - SP
(11) 2888-8987
(11) 2863-8666
Urgência: (11) 9.7376-0322

Escritório EUA
81 Garden St - 3rd floor
Ironbound - Newark - NJ
(347) 982-5070